Diplomacia

INAUGURAÇÃO DA EMBAIXADA DA PALESTINA

A cerimônia começou com o hasteamento da bandeira, reunindo palestinos, diplomatas, autoridades do governo e amigos do embaixador Ibrahim Alzeben

Embaixada-palestina

Luzia Câmara, ao lado do Senhor Embaixador, Ibrahim Alzeben, Sr. Ministro Conselheiro Salah M.M. Elqataa e diplomatas da Embaixada – Foto: Alisson Carvalho

A missão diplomática da Palestina agora tem novo local de trabalho, no Setor de Embaixadas Norte onde, dia 02/02, foi inaugurado o prédio onde funcionará a Embaixada.

Segundo o embaixador Ibrahim o ato representa uma ‘nova fase’ nas relações com o Brasil. Em seu discurso aos convidados, o diplomata agradeceu a parceria de todos os que apoiaram a construção da sede da representação palestina.

Ibrahim Alzeben afirmou que a data marca um aprofundamento das relações diplomáticas com o Brasil. A seu ver, “Esta é a conclusão de um sonho meu e que foi também dos colegas que me antecederam nesta missão nas últimas quatro décadas e possivelmente o começo de uma nova etapa nas relações entre o Brasil e a Palestina”.

O embaixador afirmou desejar que sejam mais próximas e diversas. “Desejo ainda que o Brasil construa sua embaixada na Palestina, em Jerusalém”, disse Ibrahim.

O subsecretário-geral de Assuntos Políticos para a África e o Oriente Médio do Itamaraty, Fernando Abreu, recordou que a “amizade” entre Brasil e Palestina data de 1975, e que em 2010 o Brasil reconheceu o Estado Palestino.

A partir de então, a Delegação Especial da Palestina passou a ser reconhecida como uma embaixada. Na opinião do diretor-geral da Câmara Árabe, Michel Alaby, “ todos os países árabes devem se sentir orgulhosos desta conquista palestina”.

Lembrou ele que “O Brasil foi um dos primeiros a reconhecer o Estado da Palestina e foi, então, seguido pelos outros países latino-americanos.

EmbaixadaPalestina-2Senhor Ao centro, Embaixador, Ibrahim Alzeben, Sra Jô Moraes, Deputada Federal (PC do B – MG), e amigos Diplomatas – Foto: Alisson Carvalho

A solenidade contou ainda com a presença da diretora do Departamento do Oriente Médio do Itamaraty, Lígia Maria Scherer, de embaixadores de países árabes e pelo embaixador da Liga Árabe no Brasil, Nacer Alem, além da Deputada Jô Moraes (PC do B – MG), integrante da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional na Câmara dos Deputados

————————————————————————–

 

XII ENCONTRO INTERNACIONAL DE ESCRITORAS EM MIAMI – USA

Vejam a convocatória para o XII EIDE, a ser realizado em Miami, de 11 a 15 de setembro de 2016.

http://www.milibrohispano.org/xii-eide-miami-2016/presentacion-del-xii-eide/

convite toronto

Do UOL, em São Paulo – 19/08/2015

  • Pôr do Sol no Abunã. Com 75 fotos clicadas por João Farkas entre 1984 e 1993, a exposição Pôr do Sol no Abunã. Com 75 fotos clicadas por João Farkas entre 1984 e 1993, a exposição “Amazônia Ocupada” fica em cartaz de 24 de julho a 1º de novembro de 2015, no Espaço de exposições do Sesc Bom Retiro (alameda Nothmann, 185, Campos Elíseos)

Acordos de cooperação entre Brasil e Alemanha vão garantir mais de R$ 200 milhões para a preservação do meio ambiente e regularização ambiental no Brasil. Os investimentos serão feitos por meio do financiamento do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa) e do incentivo à realização do Cadastro Ambiental Rural na Amazônia Legal e em áreas de transição para o Cerrado.

O aporte dos recursos foi anunciado nesta quarta-feira (19) pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, e pelo embaixador da Alemanha no Brasil, Dirk Brengelmann, durante a Conferência Florestas, Clima e Biodiversidade, em Brasília, sobre os projetos na área ambiental entre os dois países. Ela informou que a cooperação entre os países gira em torno da questão florestal, da biodiversidade e do clima, “em uma trajetória única de desenvolvimento sustentável para o país”.

Manutenção da floresta

“Temos de tirar a ilegalidade associada ao desmatamento da Amazônia. E substituir por atividades econômicas sustentáveis, que viabilizem para o produtor rural, que planta na floresta, uma oportunidade de geração de renda e de proteção do meio ambiente”, afirmou. A ministra disse que este é um caminho que parte de uma agenda de clima, já que plantar árvores significa capturar gás carbônico da atmosfera e não emitir gases de efeito estufa, porque não há desmatamento.

O Fundo de Transição Arpa para a Vida – que é a terceira fase do programa Arpa – foi estabelecido por uma cooperação entre o Ministério do Meio Ambiente (MMA), o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio), o Ministério para Cooperação e Desenvolvimento da Alemanha (BMZ), por meio do Banco Alemão de Desenvolvimento (KfW), e outras entidades de financiamento. Neste fundo, a Alemanha vai investir mais de R$ 116 milhões (cerca de 31,7 milhões de euros), em duas parcelas, uma este ano e uma no ano que vem.

Uma das metas do Arpa, nesta fase, é financiar a manutenção de 60 milhões de hectares de unidades de conservação na Amazônia pelos próximos 25 anos. O valor total que será investido no fundo foi anunciado em maio de 2014 pelo MMA e chega a R$ 447 milhões.

Cadastro Ambiental Rural

Já o Cadastro Ambiental Rural ganhou uma contribuição financeira de mais de R$ 84 milhões (cerca de 23 milhões de euros) para o cadastramento de propriedades de agricultores familiares, povos e comunidades tradicionais de Rondônia, Mato Grosso e Pará. Também serão promovidas ações de recuperação dos passivos ambientais das áreas de Preservação Permanente e de Reserva Legal encontradas nessas áreas. Este acordo foi assinado entre o MMA, a Caixa Econômica Federal e o KfW.

Recursos adicionais no valor de R$ 14,6 milhões (cerca de 4 milhões de euros) também foram destinados hoje ao Fundo Amazônia, por um cofinanciamento entre a Noruega, por meio da Agência Norueguesa de Cooperação para o Desenvolvimento (Norad), e a Alemanha, por meio do BMZ. Esses recursos visam melhorar os mecanismos do Fundo Amazônia para proteção da floresta e redução das emissões de gases de efeito estufa em atividades de fomento e concessões.

O representante do Ministério Federal do Meio Ambiente, Conservação da Natureza, Construção e Segurança Nuclear da Alemanha, Franzjosef Schafhausen, afirmou que a cooperação entre os países pode evoluir no futuro para o estabelecimento de um mercado de carbono. “Por isso o Fundo Amazônia é muito importante. Sabemos que existe a possibilidade de reduzir ainda mais o desmatamento, houve grandes progressos no Brasil, mas temos que dar um passo adiante. Ano passado, foi instituído o diálogo climático e acreditamos que é importante que o Brasil estabeleça os projetos, porque o país sabe melhor das necessidades do país”, afirmou Schafhausen. Ele adiantou que já foram deliberados quatro projetos entre os dois países para 2016, com valor total de 20 milhões de euros.

As ações de cooperação firmadas estão relacionadas à visita da chanceler alemã Ângela Merkel ao Brasil. Segundo a ministra Izabella Teixeira, a agenda climática comum que será defendida por Brasil e Alemanha na 21ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, a COP de Paris, deve fazer parte da declaração conjunta que deverá ser apresentada por Merkel e pela presidenta Dilma Rousseff durante a visita. (Com Agência Brasil)

CONVITE PARA CICLO DE NOVO CINE CHILENO

A Seção Cultural da Embaixada do Chile no Brasil tem o prazer de convidá-lo para o ciclo do NOVO CINE CHILENO NO BRASIL, a ser apresentado em cinco cidades (Goiânia, Brasília, Porto Alegre, São Paulo e São Sebastião). De 1 a 4 de julho será exibido no Instituto Cervantes de Brasília um ciclo de filmes intitulado “Muestra de Cine Chileno Nuevo” – organizado pelo Instituto Cervantes e pela Embaixada do Chile no Brasil – que pretende oferecer um registro do precoce trabalho cinematográfico de um conjunto de realizadores que têm idade média de 30 anos.

Na Mostra será possível apreciar documentários, como “El vals de los inútiles”, de Edison Cájas, que centra sua visão no movimento estudantil que sacudiu esse país em 2011 e cujas derivações se expressam até hoje nas ruas, mediante a visão de um adolescente imerso nas manifestações, e a de um ex-preso político da ditadura.

Serão também exibidos filmes de ficção, como “De Jueves a Domingo”, de Dominga Sotomayor, ou “Soy mucho mejor que voh”, de José Manuel “Ché” Sandoval que preferem uma aproximação menos direta e ligada à contingência da realidade social, ocupando-se de zonas mais próximas ao intimismo e à vida cotidiana de seus pares, os jovens que começam a adentrarem-se à vida adulta.

Juntamente com os longa-metragens, será exibido um curta-metragem em cada função. E no lançamento do ciclo em cada cidade, o curador da mostra, o também cineasta jovem Cristóbal Sobera, falará sobre os filmes em exibição e responderá às dúvidas e perguntas da audiência.

Programa de exibição dos filmes em Brasília:

1 de julho: El Vals de los inútiles (2013). Diretor: Édison Cájas. 80 minutos.

2 de julho: De jueves a domingo (2012). Diretora: Dominga Sotomayor. 94 minutos.

3 de julho: Soy mucho mejor que voh (2013). Diretor: José Manuel “Ché” Sandoval. 83 minutos.

4 de julho: Aquí estoy, aquí no (2011). Diretora: Elisa Eliash. 96 minutos.

Local: Instituto Cervantes de Brasília. SEPS 707/907 Lote D Asa Sul – Brasília

Início da cerimônia de abertura (1/7): 19

Início da exibição de filmes: 19,30 horas

No final da cerimônia de abertura será possível conversar com o curador, Christopher Sobera, e o diretor Edison Cájas.

XIII CURSO PARA DIPLOMATAS SUL-AMERICANOS

A FUNAG promove, com a Subsecretaria-Geral de América do Sul, Central e do Caribe do Ministério das Relações Exteriores, entre 11 e 20 de maio, o “XIII Curso para Diplomatas Sul-Americanos”, nas cidades de Brasília e do Rio de Janeiro.

Leia mais em http://funag.gov.br/…/434-xiii-curso-para-diplomatas-sul-am…

EMBAIXADAS

DATAS NACIONAIS

JANEIRO
PAÍS DIA
HAITI 1
CUBA 1
UNIÃO DE MYANMAR 4
AUSTRÁLIA 26
FEVEREIRO
PAÍSES DIA
SRI LANKA 4
NOVA ZELÂNDIA 6
IRÃ 11
SÉRVIA 15
GUIANA 23
KUAITE 25
REPÚBLICA DOMINICANA 27
MARÇO
PAÍSES DIA
BULGÁRIA 3
GANA 6
IRLANDA 17
TUNÍSIA 20
PAQUISTÃO 23
GRÉCIA 25
BANGLADESH 26
ABRIL
PAÍSES DIA
SENEGAL 4
DINAMARCA 16
SÍRIA 17
ZIMBÁBUE 18
SANTA SÉ 19
ÁFRICA DO SUL 27
ISRAEL 29
PAÍSES BAIXOS 30
MAIO
PAÍSES DIA
POLÔNIA 3
ISRAEL 7
PARAGUAI 15
NORUEGA 17
CAMEROUN 20
ARGENTINA 25
JORDÂNIA 25
JUNHO
PAÍSES DIA
ITÁLIA 2
SUÉCIA 6
PORTUGAL 10
FILIPINAS 12
RÚSSIA 12
ORDEM SOBERANA E MILITAR DE MALTA 24
CROÁCIA 25
MOÇAMBIQUE 25
REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DO CONGO 30
GRÃ BRETANHA 30
 
JULHO
PAÍS DIA
BURUNDI 1
CANADÁ 1
RUANDA 1
ESTADOS UNIDOS 4
VENEZUELA 5
MONGÓLIA 11
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE 12
BÉLGICA 14
FRANÇA 14
IRAQUE 17
COLÔMBIA 20
EGITO 21
PERU 23
HUNGRIA 20
URUGUAI 25
MALÁSIA 31
TRINIDAD TOBAGO 31
SETEMBRO
PAÍSES DIA
LÍBIA 1
REPÚBLICA ESLOVACA 1
VIETNAM 2
R. P. D. CORÉIA 9
NICARÁGUA 15
COSTA RICA 15
GUATEMALA 15
EL SALVADOR 15
HONDURAS 15
MÉXICO 16
CHILE 18
ARÁBIA SAUDITA 23
OUTUBRO
PAÍSES DIA
CHINA 1
NIGÉRIA 1
ALEMANHA 3
ESPANHA 12
SANTA SÉ 22
ÁUSTRIA 26
REPÚBLICA TCHECA 28
TURQUIA 29
NOVEMBRO
PAÍSES DIA
ARGÉLIA 1
PANAMÁ 3
ANGOLA 11
LÍBANO 22
SURINAME 25
BARBADOS 30
DEZEMBRO
PAÍSES DIA
ROMÊNIA 1
EMIRADOS ÁRABES UNIDOS 2
TAILÂNDIA 5
FINLÂNDIA 6
QUÊNIA 12
JAPÃO 23
NATIONAL DAYS
JANUARY
COUNTRY DAY
HAITI 1
CUBA 1
MYANMAR 4
AUSTRALIA 26
FEBRUARY
COUNTRY DAY
SRI LANKA 4
NEW ZEALAND 6
IRAN 11
SERVIA 15
GUYANA 23
KUWAIT 25
DOMINICAN REPUBLIC 27
MARCH
COUNTRY DAY
BULGARIA 3
GHANA 6
IRELAND 17
TUNISIA 20
PAKISTAN 23
GREECE 25
BANGLADESH 26
APRIL
COUNTRY DAY
SENEGAL 4
DINAMARCA 16
SÍRIA 17
ZIMBÁBUE 18
SANTA SÉ 19
ÁFRICA DO SUL 27
ISRAEL 29
PAÍSES BAIXOS 30
MAY
COUNTRY DAY
POLAND 3
ISRAEL 7
PARAGUAY 15
NORWAY 17
CAMEROON 20
ARGENTINA 25
JORDAN 25
JUNE
COUNTRY DAY
ITALY 2
SWEDEN 6
PORTUGAL 10
PHILIPPINES 12
RUSSIA 12
ORDER OF MALTA 24
CROATIA 25
MOZAMBIQUE 25
CONGO 30
GREAT BRITAIN 30
JULY
COUNTRY DAY
BURUNDI 1
CANADA 1
RUANDA 1
UNITED STATES 4
VENEZUELA 5
MONGOLIA 11
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE 12
BELGIUM 14
FRANCE 14
IRAQ 17
COLOMBIA 20
EGIPT 21
PERU 23
HUNGARY 20
URUGUARY 25
MALASIA 31
TRINIDAD E TOBAGO 31
SEPTEMBER
COUNTRY DAY
LIBYA 1
SLOVAK REPUBLIC 1
VIETNAM 2
R. P. D. KOREA 9
NICARAGUA 15
COSTA RICA 15
GUATEMALA 15
EL SALVADOR 15
HONDURAS 15
MEXICO 16
CHILE 18
SAUDI ARABIA 23
OCTOBER
COUNTRY DAY
CHINA 1
NIGÉRIA 1
GERMANY 3
SPAIN 12
HOLY SEE 22
AUSTRIA 26
CZECH REPUBLIC 28
TURKEY 29
NOVEMBER
COUNTRY DAY
ALGERIA 1
PANAMA 3
ANGOLA 11
LEBANON 22
SURINAME 25
BARBADOS 30
DECEMBER
COUNTRY DAY
ROMANIA 1
UNITED ARAB EMIRATES 2
THAILAND 5
FINLAND 6
KENIA 12
JAPAN 23

MORRE EDUARDO GALENO, ESCRITOR E JORNALISTA URUGUAIO

Galeano morre aos 74 anos em Montevidéu, nesta segunda-feira (13), segundo o site do jornal “El País”. galeno

Ele estava internado em um hospital na capital uruguaia desde sexta-feira (10) devido a complicações de um câncer de pulmão, que já havia tratado em 2007.

Galeno nasceu em Montevidéu no dia 3 de setembro de 1940.  Muito jovem ainda começou a atuar no jornalismo e nos mais variados gêneros literários como: o ensaio, a poesia e a narrativa. Ensaísta, historiador e ficcionista, publicou mais de 30 livros, quase todos traduzidos no Brasil. Ele é autor da obra “As veias abertas da América Latina”, em que denunciou a opressão e amargura do continente e que foi traduzido para dezenas de idiomas.

Em sua cidade natal, foi chefe de redação do semanário “Marcha”, na década de 1960, e diretor do jornal “Época”. Aos 14 anos, Galeano já vendia suas primeiras charges políticas para jornais uruguaios como o El Sol, do Partido Socialista.

ARGENTINA – DOIS HELICÓPTEROS COLIDEM DEIXANDO 10 MORTOS

Entre os mortos, 3 atletas olímpicos franceses

Dez pessoas – oito franceses e dois argentinos – morreram nesta segunda-feira devido à colisão de dois helicópteros na província de La Rioja, na Argentina, por razões ainda desconhecidas, informaram à Agência Efe fontes oficiais. A França amanheceu em choque nesta terça-feira pelo acidente no qual morreram três atletas olímpicos do país: a velejadora Florence Arthaud, a campeã olímpica de natação Camille Muffat e o boxeador Alexis Vastine.
INSTIT CERVANTES

EUROPA DE PORTAS ABERTAS

Semana de Línguas Europeias

Desde criança, você quis escrever um livro? No Europa de Portas Abertas, o escritor espanhol Javier Moro descreve os passos que o conduziram a escrever seus livros.
Também não faltarão atividades físicas: A aula de zumba vai ser muito divertida!

HOMENAGEM  A  NICANOR  PARRA

Embaixador Jaime Gazmuri Mujica, Profa. Elga Perez-Laborde, escritor Leonardo Sanhueza e Prof. Antonio Miranda

Embaixador Jaime Gazmuri Mujica, Profa. Elga Perez-Laborde, escritor Leonardo Sanhueza e Prof. Antonio Miranda

Diretor Enrique Huelva Unternbäumen faz abertura do evento

Diretor Enrique Huelva Unternbäumen faz abertura do evento

O Instituto de Letras da Universidade de Brasília (IL-UnB) e da Embaixada do Chile no Brasil realizaram uma homenagem ao poeta chileno Nicanor Parra, em comemoração ao centenário de seu nascimento. O evento aconteceu no Auditório de Letras da Universidade de Brasília (UnB), em 23 de outubro, com as presenças do Embaixador do Chile no Brasil, Jaime Gazmuri Mujica, do Diretor do IL-UnB, Enrique Huelva Unternbäumen, membros da comunidade chilena em Brasília, estudantes, convidados e professores da Universidade.

Esta foi uma das muitas celebrações que tiveram lugar em todo o mundo em homenagem ao grande poeta, detentor do Prêmio Cervantes. A cerimônia começou com uma palestra do escritor chileno Leonardo Sanhueza, que veio especialmente do Chile, com o apoio de DIRAC, para expor sobre Parra.

Sanhueza, ganhador do Prêmio Pablo Neruda/2012, no Centro de Estudos Humanísticos em Engenharia da Universidade do Chile, explorou as razões que permitiram o trabalho de Parra transitar, desde a tradição clássica da poesia chilena (com “Cancionero sin nombre”, por exemplo, que data de 1937), até se aproximar da vanguarda, com uma mudança que aflora  em “Poemas y Antipoemas (1954) e se consolida e expande com “Hojas de Parra” em 1985.

Reconhecido como uma referência absoluta por autores modernos e avançados como Roberto Bolaño, Parra se move, sem grandes complicações, entre a fala popular chilena e “Artefactos”, pequenas peças literárias que revolucionaram a poesia de seu tempo.

As homenagens da noite também foram enriquecidas pelas palavras do proeminente mestre e escritor  hispanista brasileiro, Antonio Miranda, ex-diretor da Biblioteca Nacional de Brasília, como também pela exposição  da professora de pós-graduação acadêmica da UnB, Elga Pérez-Laborde, de dupla nacionalidade (brasileira e chilena) que tem escrito numerosos artigos e ensaios em que analisa em profundidade o trabalho parriano.

Miranda, por sua vez, focalizou as ligações e conexões entre textos Parra e poetas brasileiros como Mário de Andrade, grande incentivador da Semana de Arte Moderna de São Paulo, de 1922, que marcou um antes e depois inesperados na cultura de seus países.

A conferência foi encerrada com um animado vinho de honra.

BRASILEIROS EM VIAGEM AO URUGUAI

 1. REQUISITOS DE ENTRADA

a) requisitos básicos de entrada no Uruguai para turistas, com indicação de problemas mais frequentes com viajantes brasileiros: é necessária apresentação de um dos seguintes documentos de viagem à autoridade migratória uruguaia: carteira de identidade expedida pela Secretaria de Segurança Pública de Estado da Federação; passaporte com validade superior a 6 meses; carteira de identidade para estrangeiro expedida pela Polícia Federal. Estrangeiros podem permanecer em território uruguaio por até 90 dias (renováveis por mais 90) na condição de turistas. Para informações adicionais, recomenda-se consulta ao “site” da Embaixada do Uruguai em Brasília (www.emburuguai.org.br);

Os problemas mais frequentes com viajantes brasileiros referem-se a:

i)impossibilidade de acesso a caixas eletrônicos quando o turista não possui cartão de crédito e/ou débito brasileiro habilitado para transações no exterior(os compatriotas, muitas vezes, acreditam que os sistemas informatizados dos bancos brasileiros estão conectados aos dos bancos no Uruguai, como no caso do Banco Itaú, por exemplo, o que não acontece de fato);

ii) apresentação à autoridade migratória de carteiras de identidade profissional ou nacional de habilitação, o que resulta na inadmissão do titular do documento, tendo em vista que o único documento de identidade admitido como substituto do passaporte é a carteira de identidade (RG), por força de acordo vigente entre os Estados Partes do MERCOSUL;

iii) perda ou destruição de cartões de entrada recebidos quando da admissão no Uruguai, tanto para o motorista como para o próprio veículo, visto que os cartões deverão ser restituídos às autoridades migratórias locais no momento de deixar o país. O descumprimento deste requisito é penalizado mediante a aplicação de multa, a ser paga no ato de saída do território uruguaio;

iv) desconhecimento da exigência do seguro “Carta Verde”, do MERCOSUL, para a entrada em território uruguaio, de veículo brasileiro licenciado no Brasil;

v) desconhecimento da necessidade de autorização do proprietário do veículo, registrada em cartório e com firma reconhecida em Consulado uruguaio no Brasil, para ingressar no país com veículo em nome de terceiro, inclusive se esse for instituição financeira, quando, por ter sido o bem adquirido por meio de financiamento, estiver sob alienação fiduciária em benefício daquela instituição.

2. ALERTAS A VIAJANTES

Viajantes devem precaver-se quanto à ocorrência de furtos e roubos de documentos (passaportes, por exemplo) e objetos de valor em zonas de maior concentração turística, especialmente nas cidades de Montevidéu e de Punta Del Este, e em épocas de férias ou de feriados prolongados no Brasil.

3. OUTRAS INFORMAÇÕES

i) é obrigatório o uso de faróis acesos, não importa se de dia ou de noite, no tráfego de veículos nas cidades e nas estradas;

ii) para condutores de veículos, aplica-se tolerância zero quanto ao consumo de bebidas alcóolicas. Motoristas flagrados dirigindo sob efeito da ingestão de álcool estão sujeitos a multa, retenção da carteira de habilitação e, em algumas curcunstâncias, também a apreensão do veículo; em caso de recusa a teste de bafômetro, vale a palavra da autoridade policial;

iii) caso o turista tenha intenção de praticar atividades de caça ou pesca, deverá buscar informações nos postos aduaneiros para não incorrer em delitos cuja punição é a apreensão dos veículos e dos materiais de pesca ou caça utilizados, além de processo criminal, que pode resultar em detenção.

Fonte: http://www.portalconsular.mre.gov.br/

TURISMO EM EL SALVADOR

ROTA DAS FLORES

 Ruta de la Flores - esp    ROTA AGRADÁVEL QUE CRUZA UMA DAS ÁREAS MAIS FLORIDAS DE EL SALVADOR, ATRAVESSANDO OS BOSQUES DE CAFÉ DAS TERRAS ALTAS, ONDE PREVALECE A CLIMA FRESCO. VISITE SEUS LUGARES DE HISTÓRIA INTERESSANTE, QUE REALIZAM EVENTOS CULTURAIS, GASTRONÔMICOS E ECOTURÍSTICOS CONSTANTEMENTE.  

Nahuizalco: Bela cidade situada a 70 Kms da Capital, com uma forte presença de população indígena, uma igreja colonial construída no século XVII, seu patrimônio econômico baseia-se na sua desenvolvida indústria de artesanato de fibras naturais, tais como: madeira, vime, tule, henequem. Visite o artesão Centro de Desenvolvimento Artesanal para conhecer sobre a criatividade e a beleza destas obras.

Salcoatitan: Cidade dos artistas, com galerias de arte e exposições permanentes, localizadas em 1045 metros. Desfrute da comida típica na sua praça central e admire sua Igreja de estilo colonial recentemente reconstruído.

 Juayua: Seu nome significa “Rio das moradas de orquídeas”. Adquira plantas em viveiros, aprecie sua tradicional Feira Gastronômica que se realiza todos os fins de semana. Visite suas belas cachoeiras de águas puras e belo ambiente ecológico. Saboreie o café Gourmet nos benefícios de café.

Apaneca: É uma cidade localizada em altitudes mais elevadas; 1.477 metros aproximadamente. Berço dos melhores cafés do mundo. Em sua área há um sítio arqueológico muito importante, é cenário de aventuras emocionantes, como atividades de turismo: Canopys, tour motocicletas, buggies, caminhadas, acampamentos etc.

Atacado: Encantadora cidade colonial com ares de vila antiga, de ruas de calçamento, igreja colonial, cercada por plantações de café e decorada constantemente por neblina. Aprecie a confecção de tecidos em suas oficinas de fios, trabalhados com máquinas de artesão. Ouça música folclórica às tardes de fim de semana, na praça central, saboreando bebidas e pratos típicos.

Tacuba: Tem um tesouro arqueológico constituído pelas ruínas de sua igreja afetada pelo terremoto em Santa Marta, em 1773. Percorra as ruas tranquilas, faça um passeio no Bosque El Imposible, visite seus mirantes, aproveite o ritmo de vida nesta cidade situada na Cordilheira Apaneca Ilamatepeq que está ligada por excelente estrada.

El Salvador Impressive 0099 El Salvador Impressive 0094 El Salvador Impressive 0089 El Salvador Impressive 0080 El Salvador Impressive 0064 El Salvador Impressive 0059 El Salvador Impressive 0040 El Salvador Impressive 0019 El Salvador Impressive 0001

MEMÓRIA DO XI EIDE – PREPARAÇÃO – EMBAIXADA DO PARAGUAI

naza-embaixada       No dia 19 de março de 2013, a Embaixadora do Panamá, Gabriela García Carranza, recebeu, na sede da Embaixada em Brasília, a Diretoria do XI Encontro internacional de Escritoras – XI EIDE, liderada pela presidente Nazareth Tunholi, autoridades e convidados.
Na oportunidade, o presidente da ALMUB- Academia de Letras e Música do Brasil, entidade promotora do XI EIDE, homenageou o escritor Senador da República do Brasil, Cristovam Buarque, com a medalha do Mérito Centenário de Jorge Amado.
Em seguida, a presidente do XI EIDE, Nazareth Tunholi, falou sobre o Encontro de Escritoras e do interesse em estabelecer um canal de comunicação com as Embaixadas, com vista a trazer a Brasília, as escritoras de seus respectivos países.
Estiveram presentes os Embaixadores do Peru, Jorge Porfirio Bayona Medina, o de Angola, Nelson Manuel Cosme, o do Equador, Horacio Sevilla Borges, Guatemala, Julio Armando Martini Herrera, o do Uruguai, Carlos Daniel Amorín Tenconi, a embaixadora da república Dominicana, Orly Burgos Castillo, e a anfitriã embaixadora Gabriela, do Panamá.
Na programação, o pianista Edison Sauguellis tocou músicas em espanhol e em português. O diretor da Rádio Senado Ivan Godoy e a poetisa Nazareth Tunholi declamaram o “Verso I” do livro Cânticos de Cecília Meireles.
Após os discursos da Embaixadora Gabriela, da presidente do XI EIDE Nazareth Tunholi, do Senador Cristovam e do Presidente da ALMUB, Sebastião Gomes, foram distribuídos panfletos sobre o XI EIDE, contendo telefones, o site e email da Diretoria, para o diálogo que se iniciou nesse evento.

*O XI EIDE foi realizado de 13 e 17 de março/2014.  Vejam as fotos:

fotos-19-03-2013   Clique na imagem para visualizar melhor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s